quarta-feira, 21 de outubro de 2015

"Assinatura na Célula: O DNA e a Evidência de Design Inteligente"


Signature in the Cell: DNA and the Evidence for Intelligent Design

"Assinatura na Célula: O DNA e a Evidência de Design Inteligente"


---

"Pouco depois de 1950, a ciência avançou até um ponto em que podia identificar as formas e propriedades de algumas moléculas que constituem os organismos vivos. Devagar, com muito trabalho, as estruturas de um número cada vez maior de moléculas biológicas foram elucidadas e, com o auxílio de incontáveis experimentos, inferida a maneira como funcionavam. Os resultados acumulados mostram com grande clareza que a vida se baseia em máquinas — máquinas compostas de moléculas! As máquinas molecu­lares transportam carga de um lugar na célula para outro, ao longo de "es­tradas" constituídas por outras moléculas, enquanto outras ainda agem co­mo cabos, cordas e polias que mantêm a forma da célula. Máquinas ligam e desligam comutadores celulares às vezes matando a célula, ou fazendo com que cresça. Máquinas a energia solar captam a energia dos fótons e a armazenam em elementos químicos. Máquinas elétricas permitem que a corrente flua pêlos nervos. Máquinas-ferramenta constroem outras máquinas moleculares, bem como outras iguais a si mesmas. Células nadam usando máquinas, copiam a si mesmas usando maquinaria, e com ela ingerem alimentos. Em suma, máquinas moleculares altamente sofisticadas controlam todos os processos celulares. Assim, os detalhes da vida são finamente calibrados e, a maquinaria da vida, de uma enorme complexidade."

---
Fonte:
Michael Behe: “A Caixa Preta de Darwin”. Jorge Zahar Editor. Rio de Janeiro, 1997.

Nenhum comentário:

Postar um comentário